domingo, 5 de dezembro de 2021

ATENÇÃO, COMUNICADO IMPORTANTE.

Caros guerreiros integrantes da AExMCPrM, no último dia 28/11 estivemos reunidos em uma festa de final de ano, infelizmente poucos compareceram, estou ciente que a antecipação da festa acabou por impossibilitar a presença de alguns associados.

Aproveitando o momento elaboramos o calendário de eventos 2022, peço que todos leiam e se organizem para que dentro do possível possam participar de alguns dos eventos ou todos, sei que isso não será possível para alguns mas que possamos estar juntos para que nossa associação possa se fortalecer cada dia mais.

Conto com todos.

  "SOLDADOS ONTEM,

     EXEMPLOS HOJE 

   GUERREIROS SEMPRE!!!!


Att:RAMOS 

        1°SECRETÁRIO 

        

        ALMEIDA 

         2°SECRETÁRIO


AEXMCPRM   PROGRAMAÇÃO  2022



    Sab 15 de Janeiro - 4ª caminhada


    Sab 12 de fevereiro - Encontro para casais 


    Dom 06 de março- Churrasco no sítio 


    Sab 23 de abril - 5ª caminhada 


    Dom 15 de maio - Trilha


    Dom 19 de junho - 6ª caminhada 


    Dom 03 de julho- Festa Julina/sítio 


    Sab 13 de agosto - 7ª caminhada 


    Dom 11de setembro - Jogos militares 


    Dom 23 de outubro - Festa das crianças 


    Sab 19 de novembro  - Culto de ação de graças 


    Dom 11 de dezembro - Festa de fim de ano

segunda-feira, 24 de maio de 2021

Dia da Infantaria

 DIA DA INFANTARIA




No dia 24 de maio, data natalícia do Brigadeiro Antônio Sampaio, o Exército Brasileiro celebra o Dia da Arma de Infantaria, a “Rainha da Armas”, em justa homenagem a um grande herói nacional.Antônio de Sampaio nasceu no ano de 1810, na povoação de Tamboril, vale do rio Acaraú, na então província do Ceará, sendo criado e educado pelos pais no ambiente simples dos sertões. Desde tenra idade, revelou interesse pela carreira militar, galgando postos graças a inúmeras demonstrações de bravura, tenacidade e inteligência.

Aos vinte anos, alistou-se como voluntário nas fileiras do 22º Batalhão deCaçadores (Fortaleza-CE), tendo recebido seu batismo de sangue em combate travado nas ruas de Icó e S. Miguel com tropas contrárias à abdicação de Dom Pedro I.

Teve destacada atuação em diversas campanhas de manutenção da integridade territorial brasileira durante o período imperial, como: Icó (CE), em 1832; Cabanagem (PA), em 1836; Balaiada (MA), em 1838; Guerra dos Farrapos (RS), em 1844-1845; Praieira (PE), de 1849 a 1850; Combate a Oribe (Uruguai), em 1851; Combate a Monte Caseros (Argentina), em 1852; e a Tomada de Paissandu (Uruguai), em 1864.Durante a Guerra da Tríplice Aliança (1865-1870), o já Brigadeiro Antônio de Sampaio comandou a 3ª Divisão do Exército Imperial, a lendária “Divisão Encouraçada”. Composta pelos Batalhões “Vanguardeiro”, “Treme-Terra” e “Arranca-Toco”, a “Encouraçada” destacou-se em muitos combates durante a guerra. Na Batalha de Tuiuti, no dia de seu aniversário, o patrono da Infantaria foi ferido três vezes; apenas após o terceiro ferimento, que o atingiu nas costas, deixou o campo de batalha para, alguns dias depois, ingressar na eternidade dos heróis da Pátria.

Exemplo notável de bravura, amor àprofissão, coragem, patriotismo elealdade, que o eternizaram como o “bravo dos bravos” de Tuiuti, tornou-se, por mérito inconteste, Patrono da Arma de Infantaria do Exército Brasileiro pelo Decreto nº 51.429, de 13 de março de 1962.Caracterizada por uma rigorosa disciplina e organização, originária desde antes dos gregos, com suas falanges, e dos romanos, com as suas legiões, a Infantaria personifica a essência do combate terrestre. Seu brasão, compostopor dois fuzis cruzados e uma granada de mão ao centro, faz referência às principais armas do infante e remonta à época em que um Batalhão de Infantaria era composto por duas Companhias de Infantaria e duas de Granadeiros.Tem como missão principal conquistar o terreno, aproveitando a capacidade de progredir em pequenas frações, de difícil detecção, com grande flexibilidade,adaptabilidade e mobilidade táticas, buscando cerrar sobre o inimigo, inclusive no combate corpo a corpo, para capturá-lo, neutralizá-lo ou destruí-lo.Em tempos mais recentes, durante a Segunda Guerra Mundial, a 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária desempenhou um papel fundamental na conquista dos objetivos no teatro de operações da Itália, particularmente nas decisivas vitórias de Monte Castello, Castelnuovo e Montese, quando o valor do infante brasileiro foi evidenciado. Heróis como o Sgt Max Wolff Filho e o Aspirante Francisco Mega são lembrados e cultuados por seus valores, atributos e atitudes inerentes ao verdadeiro integrante da “Rainha das Armas”. O General Cordeiro de Farias, Comandante da Artilharia Divisionária da FEB, afirmou: “Depois doque assisti em Monte Castello, quando passo por um soldado de Infantaria, tenho vontade de prestar-lhe continência.Nos dias de hoje, os infantes participam de operações de amplo espectro em âmbito nacional e internacional. No exterior, no período de 2004 a 2016, integraram as tropas da Missão das Nações Unidas para Estabilização do Haiti (MINUSTAH). No território nacional, participaram da segurança de grandes eventos, como a Jornada Mundial da Juventude (2013), a Copa do Mundo (2014) e os Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016, além de contribuírem ativamente na Intervenção Federal no Rio de Janeiro (2018).A Infantaria do Exército Brasileiro continua sendo, em sua essência, a arma apta para o combate a pé em qualquer terreno e sob quaisquer condições meteorológicas, comportando, atualmente, as seguintes especialidades: Polícia do Exército, Guarda, Pantanal, Caatinga, Selva, Leve, Aeromóvel, Montanha, Paraquedista, Motorizada, Mecanizada e Blindada.O fogo, o movimento e o combate aproximado são as suas características básicas e, a despeito dos modernos meios colocados à sua disposição, a Infantaria continua a depender fundamentalmente do homem, do valor moral do seu soldado e da capacidade de liderança e do preparo profissional de seuscomandantes.O combate moderno exige que o indivíduo seja capaz de atuar com letalidade seletiva e em rede, estando preparado para comunicar-se praticamente em tempo real. Requer boa proteção individual, que mantenha sua capacidade operativa, fazendo-o durar na ação, preservando sua integridade física. O Projeto Sistema Combatente Brasileiro (COBRA), inserido no Programa Estratégico do Exército Obtenção da Capacidade Operacional Plena (OCOP), propõe-se a atingir tais requisitos.Nessa mesma linha de modernização dos meios à disposição da Infantaria do Exército Brasileiro, o Programa Estratégico GUARANI tem por objetivo transformar as organizações militares de Infantaria Motorizada em Infantaria Mecanizada, a partir de uma nova família de viaturas blindadas sobre rodas, a fim de dotar a Força Terrestre de meios para incrementar o poder de dissuasãoe a defesa do território nacional.Infantes de Sampaio! Que os exemplos evidenciados por seu insigne patrono nos campos de batalha, marcados por coragem, disciplina, espírito de corpo, integridade, patriotismo e fé na missão do Exército, permaneçam vivos em seus corações, perpetuando as tradições, os valores e o espírito imortal do Brigadeiro Sampaio.

Salve o Brigadeiro Sampaio! Salve a Infantaria do Exército Brasileiro!!!


Fonte:  Noticiário do Exército.

sábado, 22 de maio de 2021

Vem Coisa Nova por ai.

 ATENÇÃO!


COMUNICADO IMPORTANTE.


Prezados amigos, de Caserna e Associados.


Ao Projetar a AExMCPrM, vislumbrei a possibilidade de criar algo, que pudesse romper as barreiras do tempo, unificando todas as turmas de Veteranos do CPrM/CAEx, pois pertencemos a mesma "Família e Casa".

Assim, hoje, temos em nosso quadro social, ex-militares de varias turmas do CPrM/CAEx.

A Pandemia tem se oposto aos nossos intentos e calendário de programações, mas temos conseguido intento, em nossas Reuniões, no sentido de manter nossa Associação forte e reconhecida.

A AExMCPrM, tem mantido contato com algumas empresas, buscando parcerias que apoiem nossos Projetos.

Precisamos nos aplicar a causa, para que a AExMCPrM, cresça, e produza frutos, que possam gerar benefícios para todos.

O momento é de plantar nossas sementes, mas tenham certeza de que é certo o "Tempo da Colheita".

Precisamos estar unidos e servir de exemplo para os demais.

Conto com a participação de todos os Diretores e Associados, nas Missões da Praia do CAEx, nas Marchas mensais, assim como na contribuição da mensalidade acordada e acertada em reunião.

Estamos a busca de um local para estabelecer nossa Sede Social, e que seja de  fácil acesso, para os sócios.

Todos, por certo, que se esforçarem, conseguirão um tempo para colaborar.

Em julho, temos uma confraternização prevista com a inclusão de jogos militares, e todos os sócios poderão participar.

Estou também criando um projeto de exercicios ao ar livre para os veteranos (Projeto Movi-Mente), que em momento breve, poremos emprática.

Continuamos trabalhando em prol de todos os Associados.

Vem coisa Nova por ai.

Juntos somos mais fortes.


Att

Nercelhas

Presidente AExMCPrM.

sexta-feira, 7 de maio de 2021

A HIPOCRISIA DOS MAUS.

Caros Brasileiros bom dia.

Prezados irmãos, vivemos hoje, uma realidade distorcida, um mundo surreal, onde maliciosos distorcem os fatos e acontecimentos, buscando favorecer seus objetivos e opniões.
São hipócritas, sem caráter, sem personalidade, que transformando a verdade em mentira,  e desta, se servem buscando fins obscuros.
Muito fácil, pintar e bancar o status de "preocupados", alegando estarrecimento, ante a ação do Estado no combate a criminalidade.
Levem esses marginais para suas casas, acolham os traficantes e assassinos de policiais. Abracem, os corruptos, comunguem com os aproveitadores e com aqueles que denigrem a Moral e os bons costumes.
Coadunen-se com os corruptores e aliciadores de menores.
Esses Modificadores de fatos e verdades, buscam a legalização das drogas, do aborto, a legalização do relacionamento sexual entre pais e filhos.
Estes mesmos, que invadem igrejas, templos, e terreiros, desrespeitando a fé.
Seu único intuito é se opor a tudo que é bom e digno.
Hoje, se servem da mídia, apoiados, por emissora corrupta, se voltando contra a dignidade.
Morreram aqueles, que escolheram o caminho errado, aqueles que não quiseram viver dignamente, e vocês o exaltam como a Heróis.
Mas não falam dos policiais que tem morrido, combatendo a criminalidade e a corrupção.
A vocês, que optaram por viver em trevas, se aproveitando da dor e da desgraça alheia, um recado:
"O POVO BRASILEIRO, NÃO É TOLO, A HORA DE VOCÊS VAI CHEGAR. VOCÊS NÃO DESTRUIRÃO A SOCIEDADE E A NAÇÃO BRASILEIRA.
O POVO BRASILEIRO É UM POVO DECENTE, DIGNO, TRABALHADOR, QUE AMA A FAMÍLIA E REPUDIA A IMORALIDADE!"

Está perto, o momento da Vitória do Povo de Bem.

Brasil acima de Tudo, Deus acima de todos.

Paulo Nercelhas.